logotipo
33 anos de rock'n'roll

Edição Atual

Música do Dia


ROBERT PLANT - The May Queen

  • Scream Of Agony Fest: Eternal Darkness DCLXVI e mais em SP

    Terça, 22 de agosto de 2017
  • Ouça gravação inédita de Lemmy Kilmister com guitarrista do Headcat

    Terça, 22 de agosto de 2017
  • Ouça agora o novo single de Robert Plant “The May Queen”

    Segunda, 21 de agosto de 2017

Soilwork: banda sueca se apresentou na Clash Club em São Paulo

SOILWORK

Clash Club, SP/SP (10/09/2016)

 

Texto por Pedro Pirani e fotos por Pati Patah

 

Após dez álbuns de estúdios e diversas turnês pelo mundo, os suecos do Soilwork finalmente desembarcaram em terras brasileiras. Formado por Björn “Speed” Strid (vocal), Sven Karlsson (teclado), os guitarristas Sylvain Coudret e David Andersson, Markus Wibom (baixo) e o novato Bastian Thusgaard na bateria, o grupo veio ao Brasil para três apresentações, no RJ, em SP e Curitiba.

 

O show da banda na Clash Club em São Paulo contou com um bom público em uma noite fria de sábado. Sem surpresas, afinal a espera pela vinda do Soilwork foi longa. Antes, os paulistanos da Hatematter fariam a abertura, e fizeram um bom trabalho de aquecer a plateia antes do Soilwork tomarem o palco.

 

Focada no mais recente álbum The Ride Majestic, a apresentação emocionou a todos os presentes, que cantaram e agitaram do começo ao fim. Além de músicas novas, o grupo também viajou por toda a sua discografia, executando faixas do início de sua carreira, como The Chainheart Machine, e outras mais conhecidas do seu catálogo, como Nerve, The Crestfallen, Bastard Chain, Rejection Role, Follow The Hollow e This Momentary Bliss.

 

O único problema (gravíssimo!) que ofuscou o brilho da apresentação da banda foram as recorrentes falhas nos PAs, que deixava metade da casa sem som. Mesmo com a falha grave, a banda não parou de tocar em momento algum.

 

O encerramento do show contou com as já citadas Follow The Hollow e This Momentary Bliss, além da emblemática Stabbing The Drama, que fez a Clash Club tremer! Antes do bis, um presente da banda para os paulistas, executando a única faixa do The Panic Broadcast deste setlist: Late For The Kill, Early For The Slaughter.

 

Por ser a primeira apresentação do Soilwork por aqui, criou-se uma grande expectativa sobre todo o setlist, que em geral agradou a todos. Senti falta de algumas clássicas, como Like The Average Stalker, As We Speak e Distortion Sleep, que com certeza serão boas pedidas para uma próxima vinda da banda, já que o vocalista Björn “Speed” promete que não vai demorar tanto para acontecer.

 

O setlist da apresentação do Soilwork foi o seguinte:

 

The Ride Majestic

Nerve

The Chainheart Machine

The Crestfallen

Death In General

Tongue

Overload

Petrichor By Sulphur

The Living Infinite I

Bastard Chain

Rejection Role

Whirl Of Pain

Late For The Kill, Early For The Slaughter

 

Bis:

Follow The Hollow

This Momentary Bliss

Stabbing The Drama

 

IMG_0393_HATEMATTER2016_CLASH_900.jpg IMG_0418_HATEMATTER2016_CLASH_900.jpg IMG_0436_HATEMATTER2016_CLASH_900.jpg IMG_0488_HATEMATTER2016_CLASH_900.jpg IMG_0494_HATEMATTER2016_CLASH_900.jpg IMG_0495_HATEMATTER2016_CLASH_900.jpg IMG_0497_SOILWORK2016_CLASH_900.jpg IMG_0510_SOILWORK2016_CLASH_900.jpg IMG_0515_SOILWORK2016_CLASH_900.jpg IMG_0522_SOILWORK2016_CLASH_900.jpg IMG_0529_SOILWORK2016_CLASH_900.jpg IMG_0576_SOILWORK2016_CLASH_900.jpg IMG_0594_SOILWORK2016_CLASH_900.jpg IMG_0606_SOILWORK2016_CLASH_900.jpg IMG_0614_SOILWORK2016_CLASH_900.jpg IMG_0685_SOILWORK2016_CLASH_900.jpg IMG_8953_SOILWORK2016_CLASH_900.jpg IMG_8963_SOILWORK2016_CLASH_900.jpg IMG_8976_SOILWORK2016_CLASH_900.jpg IMG_9105_SOILWORK2016_CLASH_900.jpg IMG_9109_SOILWORK2016_CLASH_900.jpg IMG_9306_SOILWORK2016_CLASH_900.jpg

 

ATENÇÃO!!!
Para postar um comentário sobre esse texto, você precisa fazer seu LOGIN no site.

Próximos Shows
Sem Eventos
Busca no site